Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeites

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Inclusão e Acessibilidade

Próxima reunião do Napne abordará o tema Os Direitos da Pessoa com Deficiência

Criado: Sexta, 28 de Setembro de 2018, 15h42 | Última atualização em Quarta, 17 de Outubro de 2018, 18h27

A reunião está prevista para o dia 17 de outubro, às 17 horas

O Núcleo de Atendimento às Pessoas com Necessidades Específicas (Napne) do IFG-Câmpus Inhumas realizará sua próxima reunião no dia 17 de outubro, às 17 horas, e discutirá o tema O Direitos da Pessoa com Deficiência, com base na Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência. Esses encontros são realizados mensalmente, com data, horário e temática previstos no cronograma que foi encaminhado, em agosto, para toda a comunidade acadêmica. As reuniões de estudo do Napne são abertas a todos os interessados nas temáticas relacionadas à educação inclusiva.

"O Napne ainda não se constitui como um departamento, bem como não tem a função de oferecer Atendimento Educacional Especializado aos alunos com necessidades específicas. No momento, os membros se reúnem para atender as demandas pertinentes ao Núcleo, conforme a necessidade e as solicitações realizadas. Os interessados podem entrar em contato com a equipe pelo e-mail napne.inhumas@ifg.edu.br", explica a professora Thiffanne Pereira dos Santos, que coordena o Núcleo.

Portaria

Também fazem parte da equipe do Napne no câmpus, conforme a Portaria Nº 659, de 8 de março de 2018, os seguintes servidores: Thaysa dos Anjos Silva Romanhol (docente), Shirley Carmem da Silva (pedagoga), Nilva Maria dos Santos Rodrigues (tecnóloga em Processos Escolares), Olinto Brandão Sobrinho (assistente social), André Alexandre Antunes (psicólogo) e Maria Angélica Peixoto (docente). 

Os primeiros meses de 2018, afirma a professora Thiffanne, tiveram como foco a estruturação do Núcleo e o atendimento das solicitações da comunidade escolar e do Núcleo de Ações Inclusivas (NAI) da Pró-Reitoria de Ensino do IFG. "Entre outras atividades, auxiliamos na construção do Projeto Pedagógico do curso de Bacharelado em Ciência e Tecnologia de Alimentos, fornecendo subsídios teóricos para a elaboração dos itens referentes à educação inclusiva; elaboramos um parecer para solicitar a contratação de profissionais especializados para realizar o acompanhamento de dois alunos com necessidades específicas no câmpus; participamos de reunião do Conselho de Classe, para abordar as peculiaridades dos alunos com necessidades específicas, e visitamos o Centro de Atendimento Educacional Especializado Diurza Leão, aqui em Inhumas, para troca de experiencias", conta a coordenadora do Núcleo local. 

No início do segundo semestre, o Napne do Câmpus Inhumas passou a ter uma sala específica (ao lado da Coordenação de Recursos Humanos e Assistência ao Servidor), o que facilitou a realização das reuniões de estudo. De acordo com o cronograma,  também está previsto um encontro no dia 21 de novembro, com o tema Acessibilidade, em que será analisada a Lei n° 10.098/1994

A Resolução nº 30 do Conselho Superior (Consup) do IFG, de 2 de outubro de 2017, aprovou o Regulamento dos Núcleos de Atendimento às Pessoas com Necessidades Específicas do IFG. O Napne é um órgão consultivo e executivo, de composição multidisciplinar, que responde pelas ações de acompanhamento às pessoas com necessidades educacionais específicas. É um órgão ligado à Pró-Reitoria de Ensino, por meio do Núcleo de Ações lnclusivas, e instituído em cada câmpus, responsável pelas ações de acompanhamento às necessidades educacionais específicas, diz o texto da Resolução. 

      

   

Fim do conteúdo da página