Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeites

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
SIMPEEX

Alunos de Licenciatura em Dança e do Ensino Médio foram protagonistas nas ações culturais do Simpeex

As apresentações incluíram música, dança e vídeo, além de mensagens pelo respeito às diferenças

  • Criado: Quarta, 11 de Outubro de 2017, 17h14
  • Última atualização em Quarta, 18 de Outubro de 2017, 17h00
As apresentações dos alunos dos cursos técnicos integrados ao Ensino Médio foram feitas no último dia do Simpeex e passaram mensagem pelo respeito às diferenças (foto: Victor Ferreira)
As apresentações dos alunos dos cursos técnicos integrados ao Ensino Médio foram feitas no último dia do Simpeex e passaram mensagem pelo respeito às diferenças (foto: Victor Ferreira)

Atividades culturais estiveram na programação dos três dias de realização do Simpósio de Pesquisa, Ensino e Extensão (Simpeex) do IFG. Alunos do curso de Licenciatura em Dança e dos cursos técnicos integrados ao Ensino Médio do Câmpus Aparecida de Goiânia fizeram apresentações na terça e na quarta-feira, possibilitando a descontração dos participantes no grande número de atividades do evento. Na abertura do Simpeex, realizada na segunda-feira, 9, o momento cultural ficou por conta do grupo Trompetes do Cerrado, da Escola de Música e Artes Cênicas da Universidade Federal de Goiás.

O coordenador da área cultural no Simpeex, professor Roberto Rodrigues, avalia que a inserção dos alunos do IFG na programação do evento teve grande importância, por valorizar a arte produzida pelos estudantes. “O Simpeex proporciona uma estrutura muito boa, com palco e iluminação, que acaba estimulando mais o estudante à criação”, afirmou o coordenador, que destacou também o valor de poder compartilhar as criações com o público de diversos câmpus da Instituição.

As apresentações dos alunos da Licenciatura em Dança tiveram coreografias criadas pelos próprios estudantes, exceto uma (Mix Urbano), que foi dirigida pelo professor Roberto Rodrigues. As exibições foram feitas na noite de terça-feira, denominadas Entre Nós (Larissa Pascoal e Thaís de Souza), Canção do Sal (Aparecida Otaviano, Bruna Caroline, Crislene Pereira, Larissa Pascoal, Rejane Ferreira, Thaís de Souza e Vitória Alves), Dançando o Texto (Wellerson Alves, Bianca Carla e Charley da Silva), Mix Urbano (Flávio Guimarães, Giovana Cristina, Heleizon dos Santos, Jeferson Almeida, Kamila da Silva, Karoline Marques, Kesley de Souza e Rafael Rosário) e A Dança que nos Contém (Welerson Alves, Isabela Ribeiro, Lahys Gabryella e Bruno Santana).

 

Fora (d)o Padrão

A mostra cultural dos estudantes do Ensino Médio foi feita no início da tarde de quarta-feira. Os participantes do Simpeex tiveram a oportunidade de conhecer o projeto Fora (d)o Padrão, que é desenvolvido há dois anos no Câmpus Aparecida de Goiânia, principalmente com alunos dos primeiros anos dos cursos técnicos integrados em Agroindústria, Edificações e Química. Organizado pela professora Marina Kanthack Paccini Razzé, da disciplina de Educação Física, o projeto busca conscientizar os estudantes e o público envolvido sobre a importância do respeito às diferenças, para combater práticas de bullying e preconceito.

As mensagens do Fora (d)o Padrão no Simpeex foram transmitidas utilizando vídeos, música e dança. Os alunos procuraram mostrar a importância de valorizar as pessoas pelo que são, desconsiderando questões de cor, raça, religião, orientação sexual e padrões de beleza. “É importante saber viver, respeitar, ter tolerância, quebrar tabus e paradigmas”, afirmou Ysaías Cardoso, do primeiro ano do curso técnico integrado em Química.

 

Acesse as imagens das apresentações e fotos do terceiro dia de evento.

 

Coordenação de Comunicação Social e Eventos – Câmpus Aparecida de Goiânia / Equipe de Comunicação Oficial do Simpeex 2017.

Fim do conteúdo da página