Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeites

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial > Últimas Notícias > Inscrições para o curso “Multiplicar a proteção” seguem até o dia 15 de fevereiro
Início do conteúdo da página
extensão

Inscrições para o curso “Multiplicar a proteção” seguem até o dia 15 de fevereiro

Criado: Terça, 12 de Fevereiro de 2019, 12h14 | Última atualização em Quinta, 14 de Março de 2019, 10h03

Interessados devem comparecer à Gepex do Câmpus Luziânia para fazer sua inscrição

imagem sem descrição.

O Câmpus Luziânia do Instituto Federal de Goiás está com inscrições abertas para o curso de extensão “Multiplicar a proteção: formação para agentes do sistema socioeducativo/protetivo dos municípios de Luziânia e Cidade Ocidental”. São ofertadas 60 vagas para a comunidade interna e externa do IFG.

De acordo com o edital, o curso visa capacitar pessoas da comunidade para trabalhar a prevenção ao uso de drogas e à violência. Busca ainda promover um trabalho de acolhida, orientação e apoio para a ressocialização junto às famílias de adolescentes do sistema socioeducativo ou protetivo, nos municípios de Luziânia e Cidade Ocidental.

Os organizadores do curso explicam que, com sua realização, espera-se promover a reintrodução dos adolescentes no meio social, de modo a prevenir a dependência química e a exposição à violência.

 

Inscrições e seleção

Os interessados devem comparecer à Gerência de Pesquisa, Pós-Graduação e Extensão (Gepex) do Câmpus Luziânia para preencher a ficha de inscrição, até o dia 15 de fevereiro, das 9h às 15h. É preciso apresentar currículo (Lattes ou comum) e comprovantes das atividades/projetos ou experiência na área da proposta. De acordo com o edital, é necessário ter ensino médio completo. A inscrição é gratuita.

A seleção será feita por entrevista realizada entre os dias 25 a 28 de fevereiro. Serão considerados os seguintes aspectos: a) disponibilidade de cumprimento da carga horária prevista para a realização das aulas, atividades a distância e desenvolvimento do projeto junto às famílias; b) condições de inserção e envolvimento com o público-alvo do projeto nos municípios atendidos; c) experiências e projetos executados junto ao público-alvo do projeto. O não comparecimento à entrevista implica automaticamente a eliminação do candidato.

A lista dos candidatos selecionados para o curso e a lista de espera serão divulgadas no site do Câmpus Luziânia (www.ifg.edu.br/luziania), no dia 1º de março. As matrículas serão realizadas na Gepex do Câmpus Luziânia, de 6 a 8 de março, das 9h às 15h. Informações sobre a documentação necessária para a comunidade externa realizar a matrícula podem ser acessadas no item 3.2 do edital.

 

Vagas

O curso é destinado, preferencialmente, aos profissionais que atuam com adolescentes do sistema socioeducativo ou protetivo, podendo ser lideranças religiosas, conselheiros tutelares, assistentes sociais e profissionais da segurança pública, saúde e educação nas redes municipal, estadual ou federal.

Ao todo são ofertadas 60 vagas, sendo 53 para a comunidade em geral e 7 para comunidade interna do IFG, de acordo com o quadro de vagas disposto no edital.

 

Curso

O curso será realizado de março a dezembro de 2019, sendo constituído por três etapas que totalizam 464 horas. Na primeira delas, as aulas serão realizadas às quartas e sextas-feiras, das 19h às 22h15, e aos sábados, das 8h45 às 12h e das 13h45 às 17h. Nessa etapa, dez horas semanais do curso serão realizadas por meio da plataforma moodle, destinadas à orientação e à construção dos projetos a serem executados junto às famílias atendidas pelo projeto.

Na segunda etapa, estão previstas a realização dos projetos junto às famílias e a orientação dos professores formadores/tutores. Na última etapa, os participantes do curso apresentam os relatórios de avaliação dos projetos desenvolvidos.

Os agentes participantes com 75% de frequência mensal no curso receberão bolsas de auxílio estudantil de R$ 120,00 reais durante os três primeiros meses do período de formação teórica e de R$ 250,00 durante seis meses de execução e avaliação dos projetos junto às famílias. O estudante que não atingir 75% de presença nas atividades programadas para o primeiro mês da formação será desligado do curso, e sua vaga será preenchida por candidato classificado na lista de espera.

 

Para mais informações, acesse o edital.

 

 

Diretoria de Comunicação Social / Reitoria / CCS-Câmpus Luziânia.

Fim do conteúdo da página